Prefeitura proporciona auxílio transporte aos alunos da Etec Profª Carmelina Barbosa de Dracena
13 de Mar de 2017 às 07:03h

Prefeitura proporciona auxílio transporte aos alunos da Etec Profª Carmelina Barbosa de Dracena

Dica

Foi iniciado na quarta-feira, 08, o novo meio de transporte conquistado pelos 37 alunos do ensino médio profissionalizante que residem em Junqueirópolis e estudam na Escola Técnica Estadual - Professora Carmelina Barbosa, em Dracena.

O anúncio foi feito pelo José Henrique Rossi da Diretoria Municipal de Educação, o qual informou que até o fechamento desse novo meio de transporte a ser feito por uma empresa de ônibus especializada em transporte coletivo, os estudantes e seus familiares custeavam o transporte até então feito por vans com gasto mensal de R$ 190,00 por aluno.

Na busca do barateamento dos custos os pais dos alunos procuraram a prefeitura, acompanhados pela direção da escola representada pelo diretor José Geraldo de Souza, onde a reivindicação foi discutida em reunião organizada pelo prefeito Hélio Furini, com as participações dos alunos, dos pais e Associação dos Estudantes de Junqueirópolis - ADEJ, onde depois de estudos e levantamento de custos, foi acordado que a prefeitura custeará R$ 100,00 e o restante de R$ 44,00 será completado por cada estudante.

De acordo com Rossi, o município está fazendo o possível para apoiar a formação dos jovens que estudam na Etec - Professora Carmelina Barbosa, e sendo transporte intermunicipal, o pagamento à empresa de ônibus, será feito com recursos repassados pela Prefeitura através do convênio firmado com a ADEJ -  Associação dos Estudantes de Junqueirópolis.

O transporte dos estudantes sai às 6h20, com ponto de saída, ao lado do Centro de Saúde, na Avenida Paulista. O retorno da Etec acontece sempre às 15hs.

 

Foto 01:   Reunião com o prefeito Hélio Furini, José Henrique Rossi, envolvendo as participações dos alunos, pais, diretor da Etec José Geraldo e Associação dos Estudantes de Junqueirópolis – ADEJ.

 

 

FOTO 02: Prefeito reunido com os integrantes da Associação dos Estudantes de Junqueirópolis – ADEJ.

 

 

Leia também: