Conselho Municipal do Meio Ambiente inicia ações para o Município VerdeAzul
03 de Apr de 2017 às 18:04h

Conselho Municipal do Meio Ambiente inicia ações para o Município VerdeAzul

Dica

O Conselho Municipal de Meio Ambiente de Junqueirópolis está iniciando um debate objetivando a realização das ações contidas nos relatórios de gestão das secretarias municipais envolvidas nas dez diretivas do programa Município VerdeAzul.

Sobre os conceitos e as metas do programa criado hádez anos pelo Governo do Estado, o diretor da Agricultura e Meio Ambiente e interlocutor do programa Roberto Fujiwara e o interlocutor Wainer Chiari, disseram que o projeto do Governo Estadual busca estimular o desenvolvimento de ações ambientais dentro das administrações municipais, tornando-as modelos de gestão mais sustentáveis e focadas na qualidade de vida da população.

Para isso, e seguindo a determinação do prefeito Hélio Furinio trabalho visa obter sucesso nas diretivas que serão desenvolvidos através de ações conjuntas entre as diretorias municipais, segmentos organizados e população para evolução de Junqueirópolis no ranking dos municípios melhores posicionados nesta nova etapa do programa.

“Destacando que a união de todos os envolvidos neste processo é fundamental, pois são eles que canalizam as preocupações, as prioridades e diretrizes a serem alcançadas em favor do Meio Ambiente”, enfatizou Fujiwara.

As capacitações começaram neste mês de março, com término previsto para o mês de junho. O programa que existe desde 2007, foi criado para medir, apoiar e descentralizar a agenda ambiental nos municípios, bem como estimular as prefeituras a executarem políticas públicas em favor do desenvolvimento sustentável.


Diretivas

DIRETIVAS

CARACTERÍSTICAS FUNDAMENTAIS

1.      Esgoto Tratado

Funcionamento adequado do sistema de esgotamento sanitário do município

2.      Resíduos Sólidos

Fortalecer a gestão dos resíduos domiciliares e dos resíduos da construção civil

3. Biodiversidade

Proteger e/ou recuperar áreas estratégicas para a manutenção dos recursos naturais

4. Arborização Urbana

Incrementar a gestão do meio ambiente artificial urbano por meio do estímulo ao planejamento e definição de prioridades para a arborização urbana

5. Educação Ambiental

Implementar a Educação Ambiental no âmbito formal e informal

6. Cidade Sustentável

Implementar o uso racional dos recursos naturais

7. Gestão das Águas

Estimular o fortalecimento da gestão municipal sobre a qualidade da água para abastecimento público

8. Qualidade do Ar

Implementar atividades e participar de iniciativas que contribuam para a defesa da qualidade do ar e do controle da emissão excedente de gases de efeito estufa.

9. Estrutura Ambiental

Estimular o fortalecimento das Secretarias/Departamentos/Diretorias de Meio Ambiente

10. Conselho Ambiental

Estimular o funcionamento regular dos Conselhos Municipais de Meio Ambiente

 

 Foto:

01- Roberto Fujiwara e Wainer Chiari com o Secretário do Meio Ambiente do Estado de São Paulo, Ricardo Salles, durante o lançamento do programa em Regente Feijó.

Leia também: